Portugueses emigrantes proibidos de ir ao país sim ou não?

Portugueses emigrantes proibidos de ir ao país sim ou não?
Portugueses emigrantes proibidos de ir ao país sim ou não?

Uma publicação no Facebook compartilhada por mais de 12.000 vezes alega que o governo português pediu a seus emigrantes que não visitassem Portugal neste verão. Esta notícia é falsa.

Não, o governo português não proibiu os portugueses residentes no exterior de regressar a Portugal neste verão. De qualquer forma, por enquanto nada está agendado.

No entanto, uma publicação no Facebook da conta “Ras Le Bol Français” lançou o boato, que já foi compartilhado mais de 12.000 vezes. “Portugal permanece confinado durante as férias de verão de 2020”, começa a publicação. “O governo português acaba de anunciar publicamente”, com base em um vídeo de um discurso do Ministro das Relações Exteriores.

Isto é completamente falso. O vídeo em que esta publicação se baseia “refere-se apenas ao período da Páscoa”, disse o Ministério das Relações Exteriores de Portugal à AFP na quarta-feira. “Portanto, não é correto interpretá-lo fora deste contexto”, disse a porta-voz.

Confinamento estendido até 14 de maio

A lembrar, que o primeiro-ministro António Costa havia pedido, no 1º de abril, aos cidadãos portugueses que moravam no exterior a não irem a Portugal durante as férias da Páscoa. Ele nunca mencionou as férias de verão.

Por causa da pandemia de coronavírus, o governo decidiu fechar as escolas, fronteira com a Espanha e declarar um estado de emergência para regular a contenção da população. O período foi prorrogado até 14 de maio, mas cidadãos e emigrantes portugueses podem retornar.

Por enquanto, os governos europeus não fizeram nenhuma declaração clara sobre as providências para viagens e férias de verão. Para aqueles que estão apenas a espera do momento de reservar uma viagem: terão que aguentar a com paciência.

1 Comment

  1. Bom dia,
    Se fizer a viagem via terrestre (Suíça- Portugal) é necessário levar documentos para apresentar em França e Espanha?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*