Seguro de desemprego “Suíça”

Seguro de desemprego “Suíça”
Seguro de desemprego “Suíça”

Seguro de desemprego “Suíça”

O que é um seguro de desemprego (l’assurance-chômage (AC))?

O seguro-desemprego (AC) fornece vários benefícios no caso de um despedimento indesejado.

  • Desemprego parcial.
  • Trabalho suspenso devido ao mau tempo.
  • No caso de seu empregador ficar insolvente.
  • Ele também financia uma reabilitação no caso de ser necessário.

Os funcionários têm a obrigação de se assegurar, com a excepção de alguns membros de família de quem trabalha na agricultura, bem como aposentados. Independentes não podem usufruir do seguro AC (assurance-chômage).

Nota: A participação no seguro-desemprego eleva-se de 1% do salário mensal.

Você terá direito a indemnização por 400 dias

Você pode receber as prestações de desemprego se:

  • Foi empregado na Suíça pelo menos 12 meses durante os últimos 2 anos no dia em que se registar como desempregado. O  tempo de contribuição confere uma abertura de direitos anteriormente adquiridos pelos países  dos estados membros da UE ou da EFTA, também serão reconhecidos se você realizou um emprego após a sua imigração na Suíça.
  • Você é residente na Suíça.
  • Se você esta apto a uma  colocação. Isso significa que você deve estar na posse de uma autorização de residência que lhes permite exercer uma actividade remunerada. É a autoridade cantonal que irá verificar e decidir se você está apto para uma colocação e se você tem direito ao desemprego. Não tem nenhuma regra geral. A decisão também dependerá das necessidades do cantão.

Você retorna à Suíça depois de uma estadia no estrangeiro, o que fazer?

Você é suíço e deixou a Suíça para trabalhar na UE / EFTA por um ano.

  • Se você trabalhou pelo menos 12 meses em um país da UE / EFTA, deve consultar o seu ORP para que registem a sua inscrição. Pode então beneficiar do seguro-desemprego por 400 dias.

Você é suíço e deixou a Suíça para trabalhar em um país não-membro da EFTA / UE  por um ano.

  • Se você trabalhou pelo menos 12 meses em um país da UE / EFTA, deve consultar o seu ORP para que registem sua inscrição. Pode então beneficiar de seguro-desemprego para 260 dias.

Você é suíço e deixou a Suíça para trabalhar no exterior por menos de um ano.

  • Você será tratado como um residente suíço vivendo na Suíça. Então não pode usufruir de seus benefícios de desemprego se não tiver pago as suas contribuições durante pelo menos 12 meses ao longo dos últimos 2 anos.

O que fazer em caso de ser demitido?

O procedimento pode ser diferente a partir de um cantão para outro. Geralmente, você deve declarar que esta no desemprego na comuna de residência., em seguida deve-se registar no ORP de sua região e finalmente fazer sua inscrição no seguro de desemprego. O seu município de residência irá ajudá-lo em seus esforços. É importante contactar muito rapidamente os órgãos acima mencionados, o mais tardar no primeiro dia para o qual você está a solicitar benefícios de desemprego. A ORP,  vai contacta-lo para uma primeira entrevista.

Quanto tem direito do seguro desemprego.

  • Você vai ganhar cerca de 70% (solteira sem filhos) a 80% (se tiver filhos) de acordo com o salário que recebeu nos últimos 6 meses.
  • Os benefícios são calculados por dias. Um mês conta 21,7 dias. Ex: se você ganhou um salário mensal de 6.000 francos suíços durante os últimos 6 meses, você receberá um subsídio de 6.000 CHF: 21,7 = 276,05 CHF por dia.
  • Se você trabalhou na Suíça e pagou suas contribuições para o seguro-desemprego durante os últimos 12 meses, você pode tocar seus benefícios de desemprego por 400 dias.

É possível seu direito a indemenisações do subsídio de desemprego possa ser por um período determinado:

  • Se você se demitir sem ter um novo emprego.
  • Se você for demitido por falta grave profissional e esta de sua culpa.
  • Se você deixar de procurar emprego durante o período de pré aviso.

Pré-aviso “despedimento”

Se o despedimento foi dado pelo seu empregador, deve verificar se é legal. O empregador é obrigatoriamente obrigado a respeitar os períodos de aviso prévio.

  • Durante uma licença de doença.
  •  Durante a licença após um acidente.
  • Durante a licença de maternidade
  • Serviço nacional
  • Serviço civil.
  • Protecção civil

Todas estas disposições são de protecção especial podem ser aplicadas contra o despedimento . Em caso de dúvida, obter aconselhamento imediatamente de seu ORP.

Se o período de aviso prévio não é especificado no seu contrato de trabalho, é determinado pelo Código Suíço das Obrigações:

  • Pré-aviso durante o período experimental: 7 dias
  • Período de aviso durante o 1º ano: 1 mês
  • Período de aviso prévio entre o 2º e o 9º ano de serviço: dois meses
  • Período de notificação após 10 anos de serviço: 3 meses

Seu marido ou sua esposa, chegaram à Suíça e não está têm trabalho.

Fique a saber:

Muitos cônjuges (como maridos ou mulheres) imigrante (s) no âmbito do reagrupamento familiar são encontrados inicialmente desempregados. Estas pessoas não têm direito a subsídio de desemprego se não tiverem trabalhado durante pelo menos um ano, durante os dois anos que antecederam a reunião de família, quer na Suíça ou de um dos Estados membros da União Europeia / s EFTA.
No entanto, imigrante (s) de data recente podem-se registar no ORP e benificiar de muitas vantagens desconhecidas de muitos.

Entre elas

  • Medidas de investimento se for necessário.
  • Frequentação de cursos de formação direccionados a procura de emprego desejada.

Os candidatos a emprego são então obrigados a se  comunicar com o um conselheiro do ORP, e justificar medidas pessoais para encontrar um emprego.

 

 

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*